Player Bota Fm

terça-feira, 16 de agosto de 2016

Lei do Farol Aceso já rendeu mais de mil multas na região de Cianorte

A lei n° 13.290/2016, conhecida como Lei do Farol Aceso, completou um mês de implantação. Desde que entrou em vigor, a nova regra tem feito o número de infrações disparar.

Em Cianorte, por exemplo, segundo a Polícia Rodoviária Estadual (PRE), mais de 76% das multas aplicadas do dia 7 de julho (data que começou valer a medida) até sexta-feira (12) já são equivalentes às autuações registradas por veículos com o farol apagado.
No primeiro mês da nova lei, a PRE registrou em Cianorte 1.049 multas, e nos 10 primeiros dias de agosto são 345, sendo que o total de infrações aplicadas no período foi de 1.382 no mês, e 438 do dia 1° até agora. “Muitos condutores, infelizmente, ainda estão desatentos”, comentou o comandante do Posto Policial Rodoviário local, sargento Geberson Lisboa.
Lisboa explicou que, como previsto na lei n° 13.290/2016, quem trafegar com o dispositivo de led, conhecido como DRL aceso, ao contrário do farol, fica isento da infração. “A regra permite a utilização deste acessório que é aceso automaticamente quando o condutor dá partida no veículo”, destaca o sargento. Vale lembrar ainda que a multa para quem descumprir a nova lei é de R$ 85 e quatro pontos na CNH.
Na avaliação de Lisboa, a lei contribui para mais segurança no trânsito nas rodovias estaduais, uma vez que oferece mais visibilidade e facilita a visão de quem for realizar ultrapassagens e até em curva. “O principal objetivo da legislação é reduzir o número de acidentes”, reforça Lisboa.
Paraná: lei contribui para redução de 46% das mortes no trânsito
O primeiro mês da Lei do Farol Baixo terminou com 46% menos de mortes em colisões frontais e em atropelamentos no Paraná, segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF). Conforme o levantamento, o número de mortes registradas em atropelamentos durante o dia caiu pela metade em relação ao mesmo período do ano passado, passando de quatro para duas.
Já as mortes em colisões frontais nos trechos de pista simples, também durante o período diurno, passaram de nove para cinco.  No total, as mortes caíram de 13 para sete nas rodovias federais paranaenses.
Durante o período, 400 multas foram registradas diariamente, o que equivale a quase 13 mil motoristas autuados. Os agentes da PRF flagraram 12.976 motoristas dirigindo sem utilizar o farol baixo nas rodovias do estado. De acordo com a PRF, o número de flagrantes no Paraná foi inferior apenas ao verificado em Goiás, onde foram emitidas 14.683 autuações.
Fonte: Tribuna de Cianorte

Nenhum comentário:

Postar um comentário